Anotações sobre a documentação e a Coleção Terena no MAE-USP (1914, 1947 e 1986)

trajetória dos objetos e subsídios para pesquisas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24885/sab.v33i3.830

Palavras-chave:

Coleção Terena, curadoria, Museu Paulista

Resumo

Em 1947 Herbert Baldus formou uma coleção Terena na Terra Indígena Araribá, SP. A coleção foi incorporada ao Museu Paulista e desde 1989 está sob a guarda do Museu de Arqueologia e Etnologia da Universidade de São Paulo (MAE-USP). Entre 2017 e 2019, foi realizado o estudo de curadoria da coleção, cruzando documentos e inventários para atualização na base documental. Os resultados revelam as camadas documentais produzidas no tempo (complementárias ou contraditórias) como parte da história da coleção e da museografia nos museus; assim como  dados mais precisos sobre a coleção a partir da trajetória dos objetos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BOTTALLO, Marilúcia. Diretrizes em documentação museológica. In: Documentação e conservação de acervos museológicos. Brodowski: ACAM Portinari; São Paulo: Governo do Estado de São Paulo, 2010. p. 48-79.

BRASIL. Lei n° 11.904, de 14 de janeiro de 2009. Institui o Estatuto de Museus e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 15 jan. 2009. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2009/Lei/L11904.Htm. Acesso: 25/10/2020.

CERÁVOLO, Sueli; TÁLAMO, Maria de Fátima G. M. Os museus e a representação do conhecimento: uma retrospectiva sobre a documentação em museus e o processamento da informação. In: VIII ENANCIB – Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação 2007, Salvador. Anais do VIII Enancib, Salvador: PPGCI/UFBA, 2007. Disponível em: http://enancib.ibict.br/index.php/enancib/viiienancib/paper/view/2831/1959. Acesso: 25/10/2020.

CERÁVOLO, Sueli; TÁLAMO, Maria de Fátima G. M. Tratamento e organização de informações documentárias em museus. Revista do Museu de Arqueologia e Etnologia, n. 10, 241-252, 2000. São Paulo, Brasil: Museu de Arqueologia e Etnologia da Universidade de São Paulo.

INTERNATIONAL COMMITTEE FOR DOCUMENTATION (CIDOC). Disponível em: http://cidoc.mini.icom.museum/. Acesso: 25/10/2020.

CURY, Marília Xavier. Museu e exposição – O exercício comunicacional da colaboração e da descolonização com indígenas. In: Museu Goeldi: 150 anos de ciência na Amazônia. Belém: Museu Paraense Emílio Goeldi, 2019. p. 313-348.

DAMY, Antonio S. A.; HARTMANN, Thekla. As coleções etnográficas do Museu Paulista: composição e história. Revista do Museu Paulista, N. S., v. XXXI, p. 220-267, 1986.

DE BLASIS, Paulo A. D.; MORALES, Walter F. O potencial dos acervos antigos: recuperando a coleção 030 do Museu Paulista. Rev. do Museu de Arqueologia e Etnologia, São Paulo, n. 7, p. 111-131, 1997.

FRANÇOZO, Mariana. O Museu Paulista e a história da antropologia no Brasil entre 1946 e 1956. Revista de Antropologia, v. 48, n. 2, p. 585-612 , 2005. DOI: https://doi.org/10.1590/S0034-77012005000200006.

HARPRING, Patricia. Introdução aos vocabulários controlados: terminologia para arte, arquitetura e outras obras culturais. São Paulo: Secretaria da Cultura do Estado: Pinacoteca de São Paulo: ACAM Portinari, 2016.

INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS (IBRAM). Subsídios para a elaboração de Planos Museológicos. Brasília: IBRAM, 2016.

KASTNER, Klaus-Peter. As coleções brasileiras do Museu Estatal de Etnologia de Dresden. Revista do Museu de Arqueologia e Etnologia, n. 1, p. 147-163, 1991.

KLINTOWITZ, Jacob. Trançado brasileiro. São Paulo: Rhodia, 1985.

LADKIN, Nicola. Gestão de acervo. BOYLAN, Patrick J. (Ed.). Como gerir um museu: manual prático. Brodowski, SP : Associação Cultural de Apoio ao Museu Casa de Portinari; São Paulo : Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, 2015. p. 14-24.

PADILHA, Renata Cardozo. Documentação museológica e gestão de acervo. Florianópolis: FCC, 2014. (Coleção Estudos Museológicos, v.2).

PAZINATTO, Renata Parada. Coleções etnográficas no interior do estado de São Paulo: composição e história. Revista do Museu Paulista, N.S., v. 32, p. 263-304, 1987.

ROBERTS, Andrew. Inventário e documentação. BOYLAN, Patrick J. (Ed.). Como gerir um museu: manual prático. Brodowski, SP : Associação Cultural de Apoio ao Museu Casa de Portinari ; São Paulo : Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, 2015. p. 25-38.

VELOSO Júnior, Crenivaldo Regis. Índice de objetos, índice de histórias: o catálogo geral das coleções de antropologia e etnografia do Museu Nacional. Florianópolis, Ventilando Acervos, v. especial, n. 1, p. 71-89, 2019.

Relatórios consultados na Revista do Museu Paulista, N. S. (em ordem cronológica crescente)

BALDUS, Herbert. Relatório da Seção de Etnologia. Revista do Museu Paulista N. S., São Paulo, vol. 2, p. 305-308, 1948.

BALDUS, Herbert. Relatório da Seção de Etnologia. Revista do Museu Paulista, n.s., São Paulo, vol. 4, p. 471-476, 1950.

BALDUS, Herbert. Relatório da Seção de Etnologia. Revista do Museu Paulista N.S. n. 5, p. 281-285, 1951.

BALDUS, Herbert. Relatório da Seção de Etnologia. Revista do Museu Paulista, n.s., São Paulo, vol. 6, p. 527-33, 1952.

BALDUS, Herbert. Relatório da Seção de Etnologia. Revista do Museu Paulista, n.s., São Paulo, vol. 7, p. 419-28, 1953.

BALDUS, Herbert. Relatórios da Seção de Etnologia. Revista do Museu Paulista N.S. n. 10, p. 1946-1958.

Inventários consultados (em ordem cronológica crescente)

Livro de Tombo 1914. Museu Paulista. Acervos: Arqueológicos e Etnográficos.

Inventário 7 (1o. de dezembro de 1932, assinado por Affonso de E. Taunay) - Inventário do material exposto a visita pública nas diversas salas do Museu Paulista das Secções de História e Etnografia.

Registro Geral da Secção de Etnologia do Museu Paulista, sem data, posterior a 1947, possivelmente déc. 1950 - Livro de Capa Marrom

Registro Geral da Seção de Etnologia, sem data, tamanho A3.

Documentos consultados

Documentos 2, 8, 19, 124.

Downloads

Publicado

2020-12-28

Como Citar

CURY, M. X. Anotações sobre a documentação e a Coleção Terena no MAE-USP (1914, 1947 e 1986): trajetória dos objetos e subsídios para pesquisas. Revista de Arqueologia, [S. l.], v. 33, n. 3, p. 352–374, 2020. DOI: 10.24885/sab.v33i3.830. Disponível em: https://revista.sabnet.org/ojs/index.php/sab/article/view/830. Acesso em: 7 ago. 2022.