Arqueologia e etno-história na Terra Indígena Lalima, Miranda/MS

Autores

  • Eduardo Bespalez

DOI:

https://doi.org/10.24885/sab.v26i1.370

Palavras-chave:

arqueologia, etnoarqueologia, etno-história, história indígena, Terra Indígena Lalima/Miranda/MS

Resumo

Desde a primeira vez em que demonstrei meu interesse em pesquisar arqueologia na Terra Indígena Lalima aos índios que a ocupam, muitos identifcaram pesquisa arqueológica com etno-história e territorialidade. Um deles, Manoel de Souza Neto, escolhido pelas lideranças indígenas para auxiliar as atividades de pesquisa, logo se mostrou um profundo conhecedor da paisagem cultural e do território tradicional. Além das taperas ou ruínas das antigas moradias, o Manoel também pôs ênfase numa rede de lugares dispostos na paisagem, tais como marcos territoriais, recursos naturais e locais cheios de signifcados culturais, situados dentro e fora dos limites territoriais registrados pela FUNAI. Assim, este artigo tem o objetivo de apresentar os resultados iniciais de um estudo etnoarqueológico destes lugares significativos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-06-30

Como Citar

BESPALEZ, E. . Arqueologia e etno-história na Terra Indígena Lalima, Miranda/MS. Revista de Arqueologia, [S. l.], v. 26, n. 1, p. 86–94, 2013. DOI: 10.24885/sab.v26i1.370. Disponível em: https://revista.sabnet.org/ojs/index.php/sab/article/view/370. Acesso em: 19 ago. 2022.