Por uma arqueologia cética

ontologia, epistemologia, teoria e prática da mais interdisciplinar das disciplinas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24885/sab.v34i1.782

Palavras-chave:

Arqueologia Evolutiva, Teoria Arqueológica, metodologia científica

Resumo

O livro “Por uma arqueologia cética: Ontologia, epistemologia, teoria e prática da mais interdisciplinar das disciplinas”, escrito por Astolfo Araujo, busca contemplar os princípios teóricos e práticos da arqueologia e sua relação com outras áreas do conhecimento, através de  uma escrita crítica, reflexiva e argumentativa sobre importantes tópicos do fazer arqueológico, trazendo visões contundentes e, em alguns trechos, carregadas de experiência pessoal do autor. O texto é voltado a um público de profissionais da arqueologia, mas é suficientemente claro e acessível a um público acadêmico mais amplo. O autor dialoga intensamente com a filosofia da ciência, biologia evolutiva e geologia, adotando uma ontologia materialista e uma perspectiva histórica e científica da arqueologia. Ainda, essa obra traz à tona uma vertente teórica chamada arqueologia evolutiva, que tem sido pouco trabalhada em contexto nacional. O livro é dividido em cinco capítulos e uma conclusão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Araujo, A. G. M. Por uma arqueologia cética: ontologia, epistemologia, teoria e prática da mais interdisciplinar das disciplinas. Curitiba: Editora Prismas, 2019. 381p.

Downloads

Publicado

2021-01-31

Como Citar

DA-GLORIA, P. Por uma arqueologia cética: ontologia, epistemologia, teoria e prática da mais interdisciplinar das disciplinas. Revista de Arqueologia, [S. l.], v. 34, n. 1, p. 288–291, 2021. DOI: 10.24885/sab.v34i1.782. Disponível em: https://revista.sabnet.org/ojs/index.php/sab/article/view/782. Acesso em: 16 ago. 2022.

Edição

Seção

Resenha