Arqueologias Indígenas, os Laklãnõ Xokleng e os objetos do pensar

Autores

  • Juliana Salles Machado Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.24885/sab.v30i1.504

Palavras-chave:

Laklãnõ Xokleng, Arqueologia Colaborativa, Arqueologia do Presente

Resumo

A pergunta “a quem interessa o passado?”, realizada há alguns anos, levou-nos a repensar que o conhecimento produzido sobre o passado era compartilhado para além dos muros científicos, incitando a inclusão de vozes, por vezes dissonantes, sobre o que, durante muito tempo, chamamos de “nosso” problema de pesquisa. Contudo, ao descentralizarmos os lugares de fala, também escapa-nos a decisão sobre os objetos de pesquisa, suportes preferenciais de nosso pensar. Pretendo tratar da minha experiência recente de compartilhamento de interesse sobre o passado entre os Laklãnõ Xokleng no estado de Santa Catarina. Ao longo do artigo, trarei exemplos das múltiplas ações e esferas nas quais essa busca contemporânea do passado pelos Laklãnõ Xokleng tem se manifestado, e, afinal, como esta Arqueologia no presente pode permear-se por novos nexos e assim engajar neste processo social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-06-30

Como Citar

MACHADO, J. S. Arqueologias Indígenas, os Laklãnõ Xokleng e os objetos do pensar. Revista de Arqueologia, [S. l.], v. 30, n. 1, p. 89–119, 2017. DOI: 10.24885/sab.v30i1.504. Disponível em: https://revista.sabnet.org/ojs/index.php/sab/article/view/504. Acesso em: 16 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigo