Paisagem do sítio da Ilha Redonda, Monumento Natural das Ilhas Cagarras (Rio de Janeiro) na época da colonização

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24885/sab.v32i2.715

Palavras-chave:

Ilha Redonda, Arqueobotânica, Antracologia

Resumo

O sítio arqueológico Ilha Redonda é parte do Monumento Natural das Ilhas Cagarras, no Rio de Janeiro. Os numerosos vestígios arqueológicos, incluindo artefatos líticos e cerâmicos, muitos com características Tupiguarani e alguns contendo elementos culturais do contato com os portugueses, apontam para uma ocupação intensa e reiterada, contemporânea ao contato colonial. Para entender a relação de seus ocupantes com a paisagem no entorno, uma análise antracológica do sítio estava em curso. Os primeiros resultados obtidos fornecem indícios de possível uso humano do ambiente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BOVINI, Massimo; FARIA, Marcos; OLIVEIRA, Rogério Ribeiro de; KURTZ, Bruno Coutinho. 2013a. Flora terrestre vascular: riqueza, biogeografia e vulnerabilidades. In: MORAES, Fernando; BERTONCINI, Áthila; AGUIAR, Aline (Org.), História, pesquisa e biodiversidade do Monumento Natural das Ilhas Cagarras. Rio de Janeiro, Museu Nacional, pp.139-161.

BOVINI, Massimo; FARIA, Marcos; OLIVEIRA, Rogério Ribeiro de; KURTZ, Bruno Coutinho. 2014. Floristic diversity of the Cagarras Islands Natural Monument, Rio de Janeiro, Brazil. Check List.

DÉTIENNE, Pierre & JACQUET, Paulette. 1983. Atlas d’identification des bois de l’Amazonie et des régions voisines. Nogent-Sur-Marne: Centre Technique Forestier Tropical. 640 p.

FRAUSIN, Gina; LIMA, Renata Braga Souza; HIDALGO, Ari de Freitas; MAAS, Paul Maas; POHLIT, Adrian Martin. 2014. Plants of the Annonaceae traditionally used as antimalarials: a review. Revista Brasileira de Fruticultura. Jaboticabal, 36 (1) : 315-337.

GASPAR, Maria Dulce. 1996. Território de Exploração e tipo de ocupação dos pescadores, coletores e caçadores que ocuparam o litoral do Estado do Rio de Janeiro. Clio (Recife), 1(11): 153-174.

IAWA Committee. 1989. IAWA list of microscopic features for hardwood identification. In: WHEELER, Elisabeth; BAAS, Pieter.; GASSON, Peter. (Eds.) IAWA Bulletin, n.s., 10(3): 219-332.

LIMA, Tania Andrade; MACARIO, Kita; R, DOS ANJOS, Roberto Meigikos; GOMES, Paulo; COIMBRA, Melayne; ELMORE, David. 2002. The antiquity of the prehistoric settlement of the central-south Brazilian coast. Radiocarbon, Estados Unidos, 44(3): 733 -738.

LOPES, Jenifer de Carvalho; MELLO-SILVA, Renato. 2014. Diversidade e caracterização das Annonaceae do Brasil. Anais do V Congresso Internacional & Encontro Brasileiro sobre Annonaceae: do gene à exportação, 36: 125-131.

LORENZI, Harri. 1992. Árvores brasileiras: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do Brasil. 3 volumes. Nova Odessa, SP: Editora Plantarum.

OLIVEIRA, Rogério Ribeiro de; BOVINI, Massimo; BUARQUE, Angela; SCHEEL-YBERT, Rita. 2014. Uma cápsula do tempo: o uso potencial de recursos naturais por visitantes pré-coloniais no arquipélago das Cagarras, Rio de Janeiro. HALAC, Belo Horizonte, 4(1): 33-56.

RODRIGUES, Angela Saade.; OLIVEIRA, Rogério Ribeiro de; KURTZ, Bruno Coutinho. 2007. Estudo da vegetação do arquipélago das Ilhas Cagarras, Rio de Janeiro, RJ. Revista Brasileira de Biociências, Porto Alegre, 5(2): 945-947.

SCHEEL-YBERT, Rita. 2004a. Teoria e métodos em antracologia. 1. Considerações teóricas e perspectivas. Arquivos do Museu Nacional, 62(1): 3-14.

SCHEEL-YBERT, Rita. 2004b. Teoria e métodos em antracologia. 2. Técnicas de campo e de laboratório. Arquivos do Museu Nacional, 62(4): 343-356.

SCHEEL-YBERT, Rita. 2016. Charcoal collections of the world. IAWA Journal, 37: 489-505.

SCHEEL-YBERT, Rita. 2018. Anthracology: Charcoal Analysis. In: Smith C. (eds) Encyclopedia of Global Archaeology. Springer, Cham.

SCHEEL-YBERT, Rita; OLIVEIRA, Rogério Ribeiro de; BUARQUE, Angela. 2012. “Cariocas da Gema”: evidências de presença humana na Ilha Redonda no período pré-colonial. In: MORAES, Fernando; BERTONCINI, Áthila; AGUIAR, Aline (Org.), História, pesquisa e biodiversidade do Monumento Natural das Ilhas Cagarras. Rio de Janeiro, Museu Nacional, pp.38-47.

SCHEEL-YBERT, Rita; GONÇALVES, Thaís. 2017. Primeiro Atlas Antracológico de Espécies Brasileiras – First Anthracological Atlas of Brazilian Species. Museu Nacional - Série Livros Digital 10, Rio de Janeiro.

TILLEY, Christopher. 1994. A Phenomenology of Landscape Places, Paths and Monuments. Berg Publishers. 221p.

WHEELER, E.A. 2011. InsideWood - a web resource for hardwood anatomy. IAWA Journal. 32 (2): 199-211.

Downloads

Publicado

2019-12-30

Como Citar

CAPUCHO, T. C. J. P.; SCHEEL-YBERT, R. Paisagem do sítio da Ilha Redonda, Monumento Natural das Ilhas Cagarras (Rio de Janeiro) na época da colonização. Revista de Arqueologia, [S. l.], v. 32, n. 2, p. 268–287, 2019. DOI: 10.24885/sab.v32i2.715. Disponível em: https://revista.sabnet.org/ojs/index.php/sab/article/view/715. Acesso em: 7 ago. 2022.

Edição

Seção

Notas de Pesquisa